Passar para o Conteúdo Principal

Ação de limpeza na praia da Foz do Minho alerta para os perigos do lixo marinho

Poster vnc 1 980 2500
12 Setembro 2018

O Aquamuseu do rio Minho e a APLM – Associação Portuguesa de Lixo Marinho promovem a realização de uma ação de limpeza especial, no âmbito do Dia Internacional da Limpeza Costeira. A Praia da Foz do Minho, em Caminha, (praia marítima), foi o espaço selecionado para acolher uma atividade dinamizada por voluntários, agendada para sábado, 15 de setembro, a partir das 17h00.

O Dia Internacional da Limpeza Costeira foi criado por iniciativa da organização Ocean Conservancy e é celebrado anualmente no terceiro sábado de setembro. O objetivo é “promover a proteção dos oceanos, o sistema de sustento à vida do planeta, que representa 70% da extensão da Terra e que alimenta mil milhões de pessoas”.

Assim, todos os anos organiza-se a maior limpeza voluntária do globo, envolvendo milhões de pessoas espalhadas pelo mundo, e o Vale do Minho não fica indiferente. No próximo sábado, na Praia da Foz do Minho, os voluntários vão dar o seu contributo em prol do ambiente, associando-se ao lema ‘Por ti, por todos, por um mar sem lixo. O Oceano precisa de ti!’

O ponto de encontro decorre junto ao mastro da Bandeira Azul, uma hora antes da atividade se iniciar, ou seja, pelas 16h00. Para quem precisar de transporte, há autocarro com ida (16h00) e regresso (19h00) marcado desde o Centro Coordenador de Transportes. A participação é livre e gratuita, e as inscrições devem ser realizadas através dos endereços de email ambiente@cm-caminha.pt ou aquamuseu@cm-vncerveira.pt

A associação promotora, APLM, recorda que o lixo marinho que vemos nas nossas praias é apenas uma pequena percentagem de todo o lixo que existe nos oceanos (15%) e, de acordo com o Programa das Nações Unidas para o Meio-Ambiente (UNEP), 15% do lixo marinho flutua à superfície ou está na coluna de água (a mais de 40 centímetros de profundidade). Os restantes 70% estão nos fundos marinhos, fora da nossa vista.

A iniciativa conta ainda com a parceria do Município de Caminha, da Capitania do Porto de Caminha, da Agência Portuguesa do Ambiente, da Associação Transfronteiriça de Educação Ambiental e da Corema.