Passar para o Conteúdo Principal

Orçamento Participativo 2016: Autarquia entrega carrinha ao Clube Desportivo de Cerveira para transporte de atletas

17353448 1633050533389049 7638052765088457287 n 1 980 2500
20 Março 2017

O presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira, entregou, este domingo, uma carrinha de nove lugares ao Clube Desportivo de Cerveira (CDC), após ter sido um dos três projetos vencedores da edição 2016 do Orçamento Participativo Geral. Cerimónia contou com a presença dos órgãos dirigentes da coletividade e de atletas que assistiram à bênção do veículo.

A proposta apresentada por Júlio Borlido Dantas foi uma das que acolheu um grande número de votos neste processo de cidadania ativa, cabendo à Câmara Municipal a execução do projeto. Neste sentido, foi adquirida uma viatura de nove lugares destinada ao transporte dos atletas do CDC nas deslocações para jogos e treinos. Antes da entrega, o Sr. Padre Carlos Castro procedeu à bênção da carrinha, perante a alegria dos presentes.

O autarca cerveirense referiu que o Orçamento Participativo tem permitido realizar investimentos escolhidos pelos próprios munícipes e que, em muitos casos, são tão ou mais importantes do que as grandes obras. Fernando Nogueira sublinhou que “o CDC é já uma referência na formação desportiva de jovens atleta, cuja adesão tem crescido de ano para ano, pelo que esta nova carrinha vai contribuir para uma maior flexibilização na logística que suporta as atividades desportivas diárias das equipas de formação”.

Em 2016, o Orçamento Participativo Geral de Vila Nova de Cerveira registou uma enorme participação, tendo sido eleitos três projetos vencedores que já estão a ser implementados. Depois da carrinha ao CDC, está para breve a entrega do barco de socorro e respetivo equipamento de mergulho/socorro aos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Cerveira; assim como o projeto de Valorização do Couço do Monte Furado já se encontra em pedido de licenciamento ao IPPAR.

Ao longo destes três anos, este é um projeto que o executivo municipal considera ser paradigmático do que deve ser a verdadeira democracia participativa, projeto esse que já a dar frutos.