Passar para o Conteúdo Principal

“Problema demográfico tem de ser encarado de forma organizada e com objetivos concretos”

Conferencia politicas de demografia e descentralizacao 30 10  7  1 980 2500
2019/10/30

A CIM Alto Minho promoveu, esta terça-feira, mais um debate do ciclo de conferências ‘Alto Minho 2030’. “Políticas de demografia, território e descentralização” foi o tema que juntou vários especialistas em Vila Nova de Cerveira, promovendo uma reflexão coletiva em torno de uma temática que está na ordem do dia.

Com o objetivo de promover o debate e a reflexão coletiva sobre as prioridades de desenvolvimento e as principais iniciativas/projetos a concretizar neste espaço regional no horizonte 2030, a CIM Alto Minho tem vindo a dinamizar um conjunto de conferências descentralizadas em torno de temáticas prioritárias para o território.

Durante a sessão de abertura, o Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira, sublinhou que “a demografia é uma temática muito importante e que está na linha da frente, sendo necessário enfrentar este problema de forma organizada e com objetivos concretos. Não é com políticas avulsas que vamos conseguir, temos de olhar para 2030 como um desafio e com políticas consolidadas”.

Do leque de oradores contante no programa, de salientar a presença de Fernando Cabodeira, que abordou o tema "Prospetiva Demográfica e Social no Alto Minho 2030"; de Cristina Guimarães, da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional Norte (CCDR-N), que falou sobre o "PNPOT, PROT Norte e Planos Municipais de Ordenamento do Território: Balanço e Ações Prioritárias"; de Fernando Alexandre, da Universidade do Minho, que fez uma apresentação sobre as "Assimetrias e Convergência Regional: Implicações para a Descentralização e Desconcentração do Estado em Portugal"; de Maria João Rauch, cuja intervenção focou a "Atração e Fixação de Talentos no Alto Minho"; e ainda de José Santos Soeiro, com uma comunicação sobre “Cooperação Territorial: Balanço 2014-2020, Perspetivas & Propostas de Ação Alto Minho 2030".

A sessão de encerramento desta nona conferência ficou a cargo do Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira, e do Presidente da CIM Alto Minho, José Maria Costa, que salientou a importância de “preparar o Alto Minho para o novo quadro comunitário de apoio para a próxima década”: “Temos de olhar para a organização dos serviços e para as respostas que temos para depois ver quais são os instrumentos de apoio e a forma como vamos estruturar as respostas ao nível do equipamento e serviços nas áreas sociais e de saúde, bem como nos outros serviços públicos”, acrescentou.