Passar para o Conteúdo Principal

Tarifa Social Eletricidade e Gás Natural

tarifa social (002)

Os consumidores de eletricidade e gás natural mais economicamente vulneráveis têm direito a beneficiar do desconto da tarifa social na conta da eletricidade e gás todos os meses. O desconto na eletricidade é de 33,8% e o no gás natural de 31,2% reduzindo a conta da eletricidade. A informação sobre quem deverá receber este apoio é enviada pela Autoridade Tributária em conjunto com a Segurança Social às comercializadoras de luz no mercado livre de energia.

Tarifa social aplicada na eletricidade

Os requisitos para beneficiar deste apoio social na luz englobam o salário anual adquirido pelo agregado familiar e ainda as prestações sociais a que têm direito por parte da Segurança Social. A isto, juntar-se-à a obrigatoriedade do contrato ser destinado ao consumo doméstico, não apresentando uma potência contratada superior a 6.9 kwh nem um escalão de gás superior a 2. Os consumidores com uma potência superior ao mencionado, poderão solicitar a alteração da potência, de forma a ficar elegível. A aplicação automática dos descontos sociais na fatura abrange todas as companhias de luz a atuar em Portugal.

Os clientes que saibam ter direito à tarifa social deverão consultar a fatura de modo a confirmar se o desconto está aplicado. Caso contrário, deverão contactar com os seus fornecedores de eletricidade.

Tarifa social aplicada ao gás de botija

Para proporcionar maior igualdade no acesso aos apoios sociais entre os consumidores de gás, o Governo criou um projeto-piloto onde convida as empresas de gás a aplicar a tarifa social no gás de botija. À partida, o preço por botija de gás rondará os 16 euros por mês. Além disto, e segundo consta, os consumidores elegíveis poderão vir a beneficiar de no máximo duas garrafas de gás por mês, ou no caso do agregado familiar ser superior a quatro elementos, o limite ascende a três.

Novos contadores inteligentes de eletricidade

Quando se fala em mercado livre de eletricidade, não só nos referimos à liberalização do mercado com a chegada de inúmeras empresas, como nos referimos à modernização dos equipamentos que permitem medir a eletricidade que gastamos na nossa casa. Assim, e com vista à introdução dos novos contadores inteligentes em todo o território português, a EDP distribuição acionou um programa de instalação destes contadores.

A distribuidora de energia enviará uma carta a todos os consumidores de eletricidade em Portugal, com a indicação do dia e da hora que será feita a instalação do novo contador.

Quais as vantagens dos novos contadores inteligentes?

  • Embora existam algumas contradições sobre o uso destes novos aparelhos, os mesmos trarão algumas vantagens que incluem o envio de leituras reais à distância, através do sistema de telecontagem, deixando de haver a preocupação de enviar as mesmas. No entanto, as leituras poderão ser enviadas pelos consumidores, sempre que assim desejarem.
  • Poderá ser feito um maior acompanhamento dos consumos, já que é possível saber quanta energia é consumida diariamente nos diferentes períodos do dia, o que permite poupar na fatura da luz. As alterações contratuais passam a ser mais práticas, pois operações tais como alterar a potência contratada, o tipo de tarifa elétrica ou até o ciclo horário, serão realizadas sem haver a necessidade de ser enviado um técnico da distribuidora de luz ao local.
  • Os novos contadores inteligentes trarão consigo um sistema de telecomunicações e dados móveis que permitirão efetuar todas estas alterações ao contrato de luz.

Ainda não tem um contador inteligente?

O processo de instalação é gratuito e obrigatório. No caso de pretender adquirir algum novo contadores, os consumidores podem contactar com a EDP distribuição e solicitar mais informações através do número 808 100 100.

Mais informações