Passar para o Conteúdo Principal

Cerveira adere ao BUS Académico

Bus academico ini 2 1 980 2500
2015/09/11

Os jovens cerveirenses a frequentar as Escolas do Ensino Superior do Alto Minho têm, a partir deste ano letivo, um novo serviço de transporte público mais vantajoso. Chama-se BUS Académico e é um projeto piloto criado pelo IPVC, com o apoio da CIM Alto Minho, para facilitar as ligações residência-escola-residência, e ao qual o Município de Vila Nova de Cerveira formalizou a sua adesão.

Tendo em conta as dificuldades financeiras que um realojamento pode significar para as famílias, principalmente para zonas mais carenciadas do interior, o IPVC lança o BUS Académico. Trata-se de uma rede de transportes que pretende democratizar esse acesso e permitir que os alunos e potenciais alunos possam deslocar-se todos os dias para as respetivas escolas, voltando depois para casa.

Entre as várias expetativas assinaladas está a redução do abandono e insucesso escolar, o aumento do número de jovens do Alto Minho que acede ao Ensino Superior, assim como o reforço da coesão social, maior fixação das populações e um aumento da qualificação das pessoas.

O autarca de Vila Nova de Cerveira realça os benefícios associados a este projeto, constituindo mais um apoio financeiro e logístico aos estudantes e famílias de vários concelhos alto-minhotos. Fernando Nogueira sublinha ainda o facto desta iniciativa contemplar a oferta de transporte aos alunos da Escola Superior Gallaecia (ESG), instituição sedeada no Concelho.

Ao todo são 15 localidades que estão ligadas entre si e que permitirão deslocações por preços entre os 45 cêntimos e 1,80 euros por dia. Numa fase inicial, o projeto piloto do IPVC vai ligar oito dos dez concelhos do Alto Minho - Arcos de Valdevez, Monção, Melgaço, Paredes de Coura, Ponte da Barca, Ponte de Lima, Valença e Vila Nova de Cerveira -, podendo ser considerado o posterior alargamento a Viana do Castelo e Caminha, como também às Escolas Profissionais.