Passar para o Conteúdo Principal

Concurso Escolar “Lendas do Alto Minho”: Centro Escolar Norte e ETAP conquistam 2º lugar em categorias diferentes

Concurso escolar  lendas do alto minho   centro escolar norte e etap conquistam 2  lugar em categorias diferentes 1 980 2500
2015/06/08

Foi com um conjunto de lendas de Cerveira, contadas e desenhadas com criatividade e imaginação, que o 4º A do Centro Escolar Norte – Campos, conseguiu o 2º lugar na categoria Ilustração, e a ETAP Cerveira na categoria Multimédia, no Concurso Escolar “Lendas do Alto Minho 2020”, promovido pela CIM Alto Minho. Autarquia congratula-se com este resultado, revelador do interesse dos pequenos cerveirenses pelas estórias do concelho.
O Centro Cultural de Viana do Castelo foi palco, na passada sexta-feira, da sessão de anúncio dos resultados e entrega dos prémios do Concurso Escolar “Lendas do Alto Minho 2020”. No total foram rececionados 148 trabalhos de 33 estabelecimentos educativos públicos ou privados do 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico e do ensino secundário regular e profissional do Alto Minho.
Os 27 alunos do 4º ano, turma A, do Centro Escolar Norte – Campos adaptaram algumas das mais conhecidas lendas de Vila Nova de Cerveira, tendo conquistado o 2º lugar na categoria de Ilustração. Por sua vez, na categoria Multimédia, destaque para o 2º prémio para a turma do 2º ano do curso técnico de Fotografia da ETAP de Vila Nova de Cerveira, com O Feitiço, baseado na lenda “O Cavalo com Mau Olhado” de Vila Nova de Cerveira; e ainda as menções honrosas na categoria da Ilustração para a Lenda "O Cervo Rei" - Centro Escolar de Cerveira - 2º A e a Lenda "As Bruxas Viajantes" - Centro Escolar de Cerveira - 1º A.
A Vereadora da Educação, Aurora Viães, marcou presença na cerimónia de entrega de prémios, mostrando-se orgulhosa com esta participação “que vem reforçar a identidade de um povo e valorizar o património imaterial cerveirense no contexto escolar”.
Este concurso, promovido no âmbito do projeto CRIARTE - Promoção da Criatividade Territorial do Alto Minho, cofinanciado pelo Programa Operacional da Região Norte – ON.2, teve como objetivo fomentar nos estudantes, em conjunto com os seus professores e com o apoio das famílias, a valorização criativa da memória coletiva do Alto Minho recorrendo à sua capacidade imaginativa e artística.
A temática do concurso incidiu na adaptação de uma ou mais lendas do Alto Minho às seguintes formas de expressão artística: ilustração (pintura ou desenho), banda desenhada, audiovisual e multimédia/novas tecnologias. A seleção dos trabalhos vencedores foi realizada por um júri independente, constituído por elementos com reconhecido mérito ou experiência empírica nas várias formas de expressão artística que integraram o concurso.